Viagem de avião com o seu cachorro: como funciona

viagem de avião com cachorro

Bem-vindos à sua próxima viagem, pais e mães de pets viajantes!

Se você está se preparando para embarcar em uma viagem com o seu cão, é essencial estar bem informado sobre os procedimentos. Separamos regulamentações e dicas para garantir uma viagem segura e confortável.

A legalidade de voar com cachorros 

A maioria das companhias aéreas permite que os cachorros viajem, mas cada uma possui suas próprias regras e regulamentações.

É crucial verificar essas diretrizes específicas antes de comprar sua passagem. Assim, você assegura que a política de transporte da companhia seja adequada para você e seu pet.

Compra de passagens e tarifas para os pets

O custo para levar seu cachorro pode variar significativamente entre as companhias aéreas. Além disso, a capacidade de transportar animais em um voo é limitada. Por esses motivos, é recomendável fazer a reserva do seu pet com bastante antecedência.

Documentação e preparações

  • Viagens Internacionais: A documentação varia de acordo com o destino. Geralmente, inclui a carteira de vacinação, CZI, CVI, atestado sanitário, e em alguns casos, um microchip ou tatuagem de identificação.
  • Viagens Nacionais: Exige-se um atestado de saúde atual e a comprovação da vacinação antirrábica.

Categorias de viagem

  • Na cabine: Muitas companhias aéreas permitem que cachorros pequenos viajem na cabine com seus tutores. Geralmente, há limites de peso e tamanho para o pet e sua caixa de transporte. Essa opção é ideal para cachorros menores, pois permite que eles permaneçam ao lado de seus donos durante o voo, proporcionando conforto e segurança. Aqui também se encaixam os cães de suporte emocional ou cães de serviço
  • No compartimento de cargas: Cachorros maiores ou em vôos onde não é permitido animais na cabine, são acomodados no compartimento de carga. Este espaço é climatizado e pressurizado, semelhante à cabine de passageiros, garantindo que seu pet viaje em um ambiente seguro e confortável. É importante escolher uma caixa de transporte adequada e garantir que seu cachorro esteja acostumado a ela para reduzir o estresse da viagem.

Algumas dicas extra

  • Exercícios Pré-Viagem: Antes do voo, leve seu cachorro para uma longa caminhada ou sessão de brincadeiras. Isso ajudará a gastar energia acumulada e acalmá-lo durante o voo.
  • Controle de Alimentação: Evite alimentar seu cachorro imediatamente antes do voo para reduzir o risco de desconforto estomacal.
  • Contato com o Veterinário: Consulte um veterinário para discutir medidas que possam ajudar a tornar a viagem mais confortável para o seu pet, especialmente em casos de ansiedade ou estresse.
  • Brinquedos e Conforto: Leve brinquedos favoritos ou um cobertor com o seu cheiro na caixa de transporte para oferecer um ambiente familiar e tranquilizador ao seu cachorro.
  • Planejamento de Emergência: Esteja preparado para qualquer eventualidade. Tenha em mãos o contato de clínicas veterinárias no destino e leve um pequeno kit de primeiros socorros para pets.

Para um suporte personalizado na preparação da sua viagem aérea com seu cachorro, entre em contato com um assessor da Pet Viajante.

Acesse também o nosso site: https://petviajante.com.br/